Arquivos
 01/03/2009 a 31/03/2009
 01/12/2008 a 31/12/2008
 01/07/2008 a 31/07/2008
 01/06/2008 a 30/06/2008
 01/05/2008 a 31/05/2008
 01/04/2008 a 30/04/2008
 01/03/2008 a 31/03/2008
 01/02/2008 a 29/02/2008
 01/01/2008 a 31/01/2008
 01/12/2007 a 31/12/2007
 01/11/2007 a 30/11/2007
 01/10/2007 a 31/10/2007
 01/09/2007 a 30/09/2007
 01/08/2007 a 31/08/2007
 01/07/2007 a 31/07/2007
 01/06/2007 a 30/06/2007
 01/05/2007 a 31/05/2007
 01/04/2007 a 30/04/2007
 01/03/2007 a 31/03/2007
 01/02/2007 a 28/02/2007
 01/01/2007 a 31/01/2007
 01/12/2006 a 31/12/2006
 01/11/2006 a 30/11/2006
 01/10/2006 a 31/10/2006
 01/09/2006 a 30/09/2006
 01/08/2006 a 31/08/2006
 01/07/2006 a 31/07/2006
 01/06/2006 a 30/06/2006
 01/05/2006 a 31/05/2006
 01/04/2006 a 30/04/2006
 01/03/2006 a 31/03/2006
 01/02/2006 a 28/02/2006
 01/01/2006 a 31/01/2006
 01/12/2005 a 31/12/2005
 01/11/2005 a 30/11/2005
 01/10/2005 a 31/10/2005
 01/09/2005 a 30/09/2005
 01/08/2005 a 31/08/2005
 01/07/2005 a 31/07/2005
 01/06/2005 a 30/06/2005
 01/05/2005 a 31/05/2005
 01/04/2005 a 30/04/2005
 01/03/2005 a 31/03/2005

Votação
 Dê uma nota para meu blog

Outros links
 eraOdito - Marcelino Freire
 Amauta Editorial
 Portal Literal
 Paralelos
 Hotel Hell - Joca Reiners Terron
 Jornal de Poesia (Soares Feitosa)
 Jornal do Conto (Soares Feitosa)
 Movimento Literatura Urgente
 Cronópios
 A casa das mil portas
 Além da Rua - Rogério Augusto
 Patife
 Bestiario
 Desconcertos - Claudinei Vieira
 Escrevinhadora - Dóris Fleury
 Tudo Lorota
 Eloísa Cartonera
 Bagatelas!
 Projeto Identidade
 Projeto Identidade - Blog
 Palavras e Lugares - Ana Rüsche
 Peixe de Aquário - Ana Rüsche
 Doidivana - Ivana Arruda Leite
 O Carapuceiro - Xico Sá
 Zunái
 Rato de Livraria
 Calíope - Elisa Andrade Buzzo
 Desafórum - Eduardo Lacerda
 Armazém Literário - Fernanda Garrafiel
 Medianeiro - Fábio Aristimunho
 Papel de Rascunho - Virna Teixeira
 Flores, pragas e sementes - Leandro Jardim
 Algaravária
 Qualquer Nota - Pedro Tostes
 O Casulo
 Doces Enjoativos - AnaR/Del Candeias
 De Novo Nada - Paulo Ferraz
 Dragão na Janela - Geraldo Vidigal
 Hay Tomates! - Carol Marossi




Fóton: Literatura e Outras Partículas
 


SAIDEIRA 2006

 

 

Sei que é muito subjetivo dizer isso, afinal de contas o que pode ter sido bom para uns não foi para outros, em todo caso, acredito que 2006 tenha sido um bom ano e espero que 2007 acompanhe o mesmo ritmo. As perspectivas são interessantes. Vamos aguardar.

 

Estes são os livros que estarão em minha bagagem neste final/início de ano:

 

- Uma dose de cortisol e uma porção de serotonina

   (Del Candeias)

- Coisas imediatas

   (Heitor Ferraz)

- Cuatro poetas recientes del Brasil

   (coletânea com Joca Terron, Angélica Freitas, Ricardo Domeneck

   e Elisa Andrade Buzzo)

- Breves fraturas portáteis

   (Tadeu Sarmento)

 

 

Abraços a todos os leitores do blog.

Boas Festas e em 2007 tem mais.

 



Escrito por Victor Del Franco às 23h59
[] [envie esta mensagem
]





MANOEL DE BARROS

90 ANOS DE DIVINAÇÕES

 

 

 

Em homenagem aos 90 anos

completados nesta terça-feira (19 de dezembro),

dois poemas do Livro Sobre Nada (Record, 1996).

 

 

Não é por me gavar

                        mas eu não tenho esplendor.

Sou referente para ferrugem

                        mais do que referente para fulgor.

Trabalho arduamente para fazer o que é desnecessário.

O que presta não tem confirmação,

                        o que não presta, tem.

Não serei mais um pobre diabo que sofre de nobrezas.

Só as coisas rasteiras me celestam.

Eu tenho cacoete pra vadio.

As violetas me imensam.

 

             ____

 

 

A ciência pode classificar e nomear os órgãos de um sabiá

mas não pode medir seus encantos.

A ciência não pode medir quantos cavalos de força existem

nos encantos de um sabiá.

 

Quem acumula muita informação perde o condão de

adivinhar: divinare.

 

Os sabiás divinam.



Escrito por Victor Del Franco às 21h08
[] [envie esta mensagem
]





QUAL O VALOR DA PALAVRA?

 

 

Notícia que foi divulgada pelo UOL nesta sexta-feira, 15 de dezembro.

 

Biblioteca erótica é vendida na França

por US$ 7 milhões

 

Por conta do título chamativo, fui conferir a matéria da qual reproduzo alguns trechos:

 

“Mil exemplares de literatura erótica, de 1527 a 1975, pertencentes à Biblioteca Gerard Nordmann, foram vendidos pela Christie's de Paris por 5,66 milhões de Euros (US$ 7,4 milhões).”

 

“Uma das obras mais disputadas foi a Sonneti Lussuriosi, de Pietro Aretino (1492-1556), que foi adquirida por 325.600 Euros (425.000 Dólares), um preço recorde para um livro erótico vendido em leilão.”

 

O livro Sonetos Luxuriosos já foi publicado no Brasil pela Companhia das Letras (2000) com tradução de José Paulo Paes, no entanto, eu me arrisco em deixar aqui uma tradução/traição de próprio punho.

 

(continua)

 



Escrito por Victor Del Franco às 01h00
[] [envie esta mensagem
]





 

Vamos foder, amor, foder agora

porque todos nascemos para foder.

Se amas o pau, eu amo a xota ver;

sem isso, o mundo só seria escória.

 

Se honesto fosse após a morte inglória

foder: “Vamos foder até morrer”;

pois que Eva e Adão fodiam pra valer

e encontraram na morte obscena estória.

 

Em verdade é bem certo: se os tratantes

não comessem o fruto proibido

sei que ainda fodiam-se os amantes.

 

Mas deixe de conversa e em desatino

finca-me o pau e faz romper vibrante

a alma que nasce ou morre sem destino

 

e se puder o tino,

na minha xota enfie as suas bolas,

testemunhas felizes destas horas.

 

                 _____ 

 

 

Fottiamci, anima mia, fottiamci presto
perché tutti per fotter nati siamo;
e se tu il cazzo adori, io la potta amo,
e saria il mondo un cazzo senza questo.

E se post mortem fotter fosse onesto,
direi: Tanto fottiam, che ci moiamo;
e di là fotterem Eva e Adamo,
che trovarno il morir sì disonesto.

- Veramente egli è ver, che se i furfanti
non mangiavan quel frutto traditore,
io so che si sfoiavano gli amanti.

Ma lasciam'ir le ciance, e sino al core
ficcami il cazzo, e fà che mi si schianti
l'anima, ch'in sul cazzo or nasce or muore;

e se possibil fore,
non mi tener della potta anche i coglioni,
d'ogni piacer fortuni testimoni

 

Nota:

Os sonetos de Pietro Aretino são formados por um terceto adicional ou estrambote (palavra que deu origem a “estrambótico” e serve para designar algo estranho ou esquisito, posto que tal estrofe parece desfigurar a estrutura do soneto).



Escrito por Victor Del Franco às 00h58
[] [envie esta mensagem
]





LETRA E MÚSICA

 

 

Demorou um pouco mas aqui estão algumas fotos do 1º aniversário do Jornal de Literatura Contemporânea - O Casulo.

 

Outras fotos estão aqui e aqui.

 

 

 

Chegando na feira

 

 

Juvêncio

 

 

Claudio Daniel

 

(continua)

 



Escrito por Victor Del Franco às 01h05
[] [envie esta mensagem
]





 

 

Donizete Galvão

 

 

Donny Correia

 

 

Eduardo Lacerda

 

 

Elisa Andrade Buzzo

 

 

Lílian Aquino

 

 

Marcelo Bonvicino e Felipe (violão)

 

 

Paulo Ferraz

 

 

Victor Del Franco

 

 

Virna Teixeira

 

 

Sandra Ciccone

 

 

Renan Nuernberguer

 

 

Andréa Catrópa

 

 

Nelson Talapaxi Samuel (poeta angolano)



Escrito por Victor Del Franco às 00h37
[] [envie esta mensagem
]





O CASULO - 1 ANO

 

 

 

Comemoração do 1º aniversário

O CASULO – Jornal de Literatura Contemporânea

 

A festa será nesta terça-feira, 12 de dezembro,

a partir das 20 horas.

 

Onde?

na Feira Moderna

Rua Fradique Coutinho, 1246/1248

Vila Madalena

 

Para mais informações é só clicar aqui.



Escrito por Victor Del Franco às 01h07
[] [envie esta mensagem
]





RAVE TAMBÉM É CULTURA

 

 

Frederico Barbosa iniciando a Rave

 

 

Claudinei Vieira desconcertando a prosa

 

 

Joca Terron

 

(continua)

 



Escrito por Victor Del Franco às 01h01
[] [envie esta mensagem
]





 

 

 

Andréa del Fuego

 

 

Rogério Augusto

 

 

Yara Camillo

 

 

Casa cheia: Horácio Costa abrindo o sarau da madrugada

 

 

Marcelino Freire

 

 

Paulo Ferraz

 

 

Luiz Roberto Guedes

 

 

Rodolfo Dantas

 

 

Fabiana Faleiros

 

 

Geraldo Vidigal

 

 

Lílian Aquino

 

 

Victor Del Franco

 

 

Andréa Catrópa

 

 

Renan Nuernberguer

 

 

Fábio Aristimunho

 

Fico devendo as fotos de outros participantes pois a bateria da minha câmera não resistiu até o final da festa.



Escrito por Victor Del Franco às 00h34
[] [envie esta mensagem
]





RAVE CULTURAL

 

Para comemorar os 2 anos de atividades da Casa das Rosas, está sendo organizada uma Rave Cultural que terá início neste sábado (09/12) às 18 horas e atravessará a madrugada até às 7 horas do domingo.

 

 

Confira a programação (parcial):

 

Sábado (09/12)

 

18 horas – Desconcertos na Paulista

Organização: Claudinei Vieira

Com: Andréa del Fuego, Índigo, Bernardo Ajzenberger, Mário Bortolotto, Reinaldo Moraes, Manuel da Costa Pinto, Joca Terron, Matthew Shirts, Roniwalter Jatobá, Rogério Augusto, Moacyr Moreira e Yara Camillo.

 

19 horas – Sarau Rascunhos Poéticos

 

20 horas – Musiclube

 

Domingo (10/12)

 

0 hora – Sarau Aberto

Com: Luiz Roberto Guedes, Ana Rüsche, Victor Del Franco, Fábio Aristimunho, Paulo Ferraz, Lílian Aquino, Del Candeias, Renan Nuernberguer, Fabiano Calixto, Horácio Costa, Rodolfo Dantas e muitos outros poetas.

 

2 horas – Technobeat e Black Music

 

4 horas – Poesia Maloqueirista

Com: Pedro Tostes, Caco Pontes, Berimba de Jesus e convidados.

 

7 horas – Café da manhã

 

 

A programação completa está aqui.

 

 

Casa das Rosas

Avenida Paulista, 37

Metrô Brigadeiro



Escrito por Victor Del Franco às 13h43
[] [envie esta mensagem
]





O CASULO

NA REDE

 

 

O Casulo – Jornal de Literatura Contemporânea – que até então só existia na versão impressa, agora faz parte da rede virtual também. Basta clicar aqui para conferir.

 



Escrito por Victor Del Franco às 13h40
[] [envie esta mensagem
]





REVISTAS LITERÁRIAS

 

Na semana passada (25/11), após o Desconcertos de Poesia na Praça Roosevelt, por conta de um convite da Ana Rüsche, eu acabei seguindo em uma “caravana” juntamente com Virna Teixeira e Claudio Daniel até a Casa da Palavra em Santo André onde eles fizeram algumas leituras. No final das contas, e no melhor esquema de improviso a queima-roupa, eu também participei e li alguns poemas do Del Candeias.

 

Lá na Casa da Palavra, entre outros participantes, estavam presentes Jurema Barreto de Souza e Zhô Bertholini que são os editores da revista A Cigarra, uma publicação que há mais de 20 anos (longevidade digna de aplausos) divulga a produção literária contemporânea.

 

Conheci a Jurema Barreto em 2000 ou 2001 (não recordo exatamente o ano) em um evento que aconteceu na Biblioteca Mário de Andrade (São Paulo) e que abordava a questão das revistas literárias no Brasil e na América Latina.

 

Além da revista A Cigarra (Santo André – SP) outras publicações também participaram, entre elas:

 

Azougue (São Paulo – SP)

Babel (Santos – SP)

Medusa (Curitiba – PR)

Iararana (Salvador – BA)

Tse-tsé (Buenos Aires – Argentina)

 

(continua)

 



Escrito por Victor Del Franco às 16h35
[] [envie esta mensagem
]





 

E por falar nA Cigarra, aqui vão dois poemas publicados na edição mais recente da revista (no 41 – novembro/2006)

 

 

Inventário

 

Todo amor é para sempre

inclusive aquelas vinte e uma

paixões à primeira vista

e aquela do beijo dramático

na escadaria do teatro municipal

que durou até o fim do espetáculo.

Aquela que custou uma anorexia

a outra que deixou a marca

de sua inicial no braço

como tatuagem elétrica em brasa.

Ainda a dos encontros furtivos

no ranger das tábuas

da velha estação da cidadezinha,

saboreada como derradeira

até a hora de chegar o trem.

Por fim os quatro grandes amores

no álbum de fotografias,

que renderam olheiras, insônias,

muitas viagens, maquiagem

e sorrisos fictícios.

E no inventário da serenidade

descansa leve a lembrança

dos meios amores perdidos,

dos mortos e impossíveis.

 

Jurema Barreto de Souza

 

 

 

Santa feita

 

a moça

de missa

na massa

descobriu

a praça

e prazerou-se

 

Zhô Bertholini



Escrito por Victor Del Franco às 16h32
[] [envie esta mensagem
]



 
  [ Ver arquivos anteriores ]